top of page
  • Foto do escritorSeguir Viagem

Cheiro de Carolina, hum!

Atualizado: 29 de abr. de 2023


Carolina/MA é o destino perfeito para sua expedição em busca de contato direto com a natureza.

Principal base de apoio para os visitantes do Parque Nacional da Chapada das Mesas, local que abriga inúmeras quedas d’água, cânions, cachoeiras, piscinas naturais, grutas e balneários. Partindo da cidade há vários passeios que levam a essas riquezas naturais.

Carolina fica na região sul do Maranhão, às margens direita do rio Tocantins.

A cidade está a 840 km de São Luís, a 500 km de Palmas e a 1200 km de Brasília.

A Chapada das Mesas é ainda um destino pouco conhecido para muitos, porém, ao visitar você vai se deparar com uma infraestrutura bem bacana nestes complexos turísticos sendo na maioria de propriedade particular e como tal, com valores variados de ingressos.


O que fazer em Carolina?


1. Parque Nacional da Chapada das Mesas

2. Cachoeira de São Romão

3. Cachoeira do Dodô

4. Poço Azul – Encanto Azul

5. Cachoeira de Itapecuru

6. Cachoeira da Prata

7. Cachoeira Aldeia do Leão

8. Museu Histórico de Carolina

9. Paróquia São Pedro de Alcântara

10. Pirâmide exotérica


Destaques que não pode deixar de visitar:

*Valores de dezembro/22. Para valores atualizados, entre em contato com as atrações.


=> Cachoeira e Santuário Pedra Caída

Por ser um complexo é um dos mais movimentados, possuindo 25 cachoeiras, além de atividades como teleférico, tirolesa e ponte suspensa.

Você precisará reservar mais de um dia de seu roteiro para conhecer, as atividades possuem ingressos separados: cachoeiras e cânions (R$ 50), teleférico (R$ 50), tirolesa (R$ 90) e a ponte suspensa com acesso gratuito.


=> Portal da Chapada (Pedra Furada)

A Pedra Furada é um dos cartões-postais da Chapada das Mesas sendo um local bastante disputado para aquele registro fotográfico. Esse mirante natural com entrada a R$ 20,00 [dinheiro em espécie] oferece uma vista panorâmica incrível da Chapada, ficando na BR-230 no sentido Palmas, a 15 km da cidade. Apesar desta formação estar localizada no estado do Maranhão, sua forma se assemelha muito com o mapa do estado do Tocantins.


Como Chegar...


01. Aeroporto de Araguaína/TO

O jeito mais comum para chegar na cidade pegando um voo até Araguaína/TO, a 118 km de distância. De lá, você atravessará o rio Tocantins de balsa, partindo de Filadélfia, que fica em frente à Carolina. Mas com poucos voos semanais, com isso seus preços são mais elevados.


02. Aeroporto de Imperatriz/MA

Sendo uma cidade referência na região a 222 km, tem voos diários e variadas opções de deslocamento.


03. Aeroporto de Palmas/TO

Por ser capital tem voos mais em conta, porém a distância é de 505 km a ser percorrida de ônibus.


04. Carro

Se você é como a gente e não dispensa uma aventura de carro, fique esperto! As estradas não são bacanas, sem acostamento e pavimentação zero, com inúmeros buracos e terrivelmente mal conservada.

É possível ir de carro, porém, coloque mais 1 dia [no mínimo] em seu roteiro, só para atravessar a MA 006. Super atenção e cuidado, pois além de muitos buracos, animais invadindo a pista a todo momento, os caminhões fazem um zig-zag tremendamente perigoso para fugir dos obstáculos.


Agora, Prestenção!


1- Em Carolina a temperatura entre novembro e abril, com clima seco e quente, varia de 26°C a 38°C. Entre julho e outubro a temperatura é aproximadamente 20°C. Hidratar na época quente é extremamente necessário! Por isso, tenha sempre aquela garrafinha de água a postos.


2- Quedas d’água em Carolina no total são mais de 10, porém como a maioria estão localizadas em propriedades particulares, para ter acesso, você terá que desembolsar uma média de R$ 50,00, exemplo o complexo da Pedra Furada.


3- A culinária de Carolina é bastante típica, com traço forte da cultura e temperos nativos da região. Você encontrará muitos pratos feitos à base de peixe de água doce, carne de sol c/ macaxeira (pra gente, mandioca!), galinha caipira, etc.


4- A cidade promove eventos importantes que movimentam o turismo local, como a Festa de Ano Novo, o Carnaval, a Vaquejada, o Aniversário da Cidade, a Festa Junina, o Festejo de São Pedro de Alcântara e o Enduro do Cerrado. Diversas agências de turismo possuem pacotes exclusivos oferecendo opções para cada bolso e gosto.


5- Para desbravar Carolina e a Chapada das Mesas, o ideal são 4 dias completos de sua expedição. Tenha sempre roupas leves para trocar, se necessário, durante os passeios ao ar livre a ainda roupas de banho.


6- Opções de hospedagens e camping são inúmeras, ficamos no Camping Refúgio Raiz, um camping às margens da rodovia Transamazônica, onde tivemos uma experiência única e fomos super bem tratados pelo Renilton e sua esposa, banheiros extremamente limpos, cozinha coletiva super organizada, amplo estacionamento para montagem de barracas de teto ou chão. O camping fica à 500mts do complexo da Pedra Caída e à 1Km do Portal da Chapada.


Camping Refúgio Raiz

Reservas: Booking Localização: Maps


E aí, curtiu mais essa sugestão de expedição?

Dá ou não dá vontade de encarar essa aventura?

Mas se você ainda tem alguma dúvida, comente aqui para que possamos te ajudar!


Aproveita e segue a gente lá no Instagram! Ah, e se inscreve em nosso canal do Youtube também! ;-)


E você, já conhece algum desses destinos? Ou mora em algum deles?

Qual está na lista para conhecer? Conta pra gente!




13 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page